Edit

Sobre Nós

A POINT TELECOM é uma empresa especializada na prestação de serviço de comunicação multimídia (SCM) com equipe altamente qualificada e especializada. Nosso foco nos permite criar diferenciais que proporcionam rapidez, confiabilidade, tranquilidade e segurança para todos os nossos clientes, ajudando-os sempre a atingirem seus objetivos.

Fale Conosco

Nosso Suporte

Nosso Suporte

(38) 3676-1665

 IBM divulga metas para computação quântica e projeta aceleração ‘supercomputadores’

IBM divulga metas para computação quântica e projeta aceleração ‘supercomputadores’

A IBM anunciou na última terça-feira (15) o seu plano de curto prazo para os processadores de computação quântica. A projeção é ambiciosa: mais do que dobrar a capacidade de qubits a cada ano, até 2023.

Os qubits (ou bits quânticos) são a unidade da unidade de informação quântica, assim como os bits dos computadores comuns.

A IBM revelou que o seu atual processador consegue operar a 65 qubits.

No ano que vem, o chip deve ser capaz de chegar a 127 qubits, seguido de 433 qubits em 2022, e 1.121 qubits em 2023.

A empresa também quer diminuir a taxa de erros do processamento quântico. Isso permitiria realizar operações de maior qualidade de forma mais veloz.

A expectativa é que com o processador de 2021, os engenheiros consigam ter recursos de computação clássica em tempo real que permitirão a execução mais ampla de circuitos e códigos quânticos.

Na prática, isso deve aumentar as aplicações possíveis.

Uma série de empresas de tecnologia desenvolvem computadores quânticos. Entre elas estão gigantes como Google, Intel, Alibaba e Honeywell, e algumas startups como Rigetti e IonQ.

A corrida no setor tem esquentado: no ano passado, o Google reivindicou um marco histórico na computação quântica com um processador de 54 qubits.

A companhia afirmou ter resolvido em segundos um problema que levaria milhares de anos para ser solucionado em um computador “clássico”.

As aplicações práticas ainda são limitadas, mas muitas indústrias, como a farmacêutica e de inteligência artificial, estão de olho no potencial da tecnologia.

A China também enxerga potencial da computação quântica: o país é o segundo que mais dá entrada em patentes sobre o tema e até 2019 tinha investido US$ 400 milhões em um laboratório nacional de pesquisas quânticas.

O governo de Donald Trump, nos Estados Unidos, lançou em 2018 National Quantum Initiative (Iniciativa Quântica Nacional) prometendo investir US$ 1,2 bilhões em pesquisa quântica, incluindo computadores.

O que são qubits

Os qubits – ou bits quânticos – são a unidade da unidade de informação quântica.

A diferença de um computador quântico para um clássico, cujo funcionamento é binário, é que o quântico consegue calcular uma quantidade maior de informações, que podem ser processadas e armazenadas ao mesmo tempo.

Em uma máquina clássica (como os nossos computadores e smartphones) o processo acontece em bits, representados pelos códigos 0 ou 1.

Ja computação quântica, o processo é feito por qubits, que têm propriedades quânticas, combinando 0 e 1 ao mesmo tempo.

Fonte: G1

Point Telecom - Internet Banda Larga

Unaí

Paracatu

Cabeceira Grande

Palmital de Minas

Copyright © 2021 | Point Telecom. Todos os direitos reservados.

Atendimento
POINT TELECOM